Os novos “7 Magníficos”

7-magnificos-sabado-858

Artigo publicado na revista Sábado, de 22/9/2016

os-7-magnificos-publico

Artigo publicado no Ipsilon (suplemento do jornal Público), de 23/9/2016

Advertisements

Concurso dos 12 meses (Diabrete) – 4

diabrete-titulo-concurso-12-meses-1

Apresentamos hoje, nesta rubrica, mais “desenhos animados” de José Cambraia, publicados na secção infantil “República dos Miúdos” do jornal República, corria o ano de 1949 — com um personagem já nosso conhecido, o cachorro Pimpão, que como outros animais antropomórficos da Banda Desenhada lembra as criações de Walt Disney.

Embora curtas, estas pitorescas histórias mudas reflectem amplamente a criatividade e o multifacetado talento de um Artista merecedor de um lugar cimeiro na galeria das Artes plásticas e figurativas portuguesas.

pimpc3a3o-pintor-e-automobilista

No Diabrete, entre outras colaborações, Cambraia ilustrou magistralmente o Concurso dos 12 Meses, iniciativa levada a cabo, com grande êxito, entre os nºs 795 e 806 do “grande camaradão” (10/2 a 21/3/1951). Aqui têm a página referente a Setembro, o mês das vindimas, do mosto inebriante e da despedida do Verão, publicada no nº 801, de 3/3/1951.

Destaque-se também, como é justo, a inspirada métrica das quadras que acompanhavam todas as ilustrações, e que neste caso até servem de curioso apontamento folclórico sobre as vindimas!

Nota: As tiras cómicas que ilustram este texto foram retiradas da página de José Cambraia no Facebook, por amável deferência de seu filho Paulo Cambraia.

O regresso de Dick Haskins – 1

sabado-dick-haskins-851

dick-haskins-1

1º volume da colecção policial “Dick Haskins”, distribuído com a revista Sábado (edição de 22/9/2016). Preço de capa: 50 cêntimos.

Image

A grande aventura do jornal Tintin

tintin-paris-match-e-dbd

Depois do Paris-Match, que lhe dedicou um número especial com 112 páginas, recheado de artigos, entrevistas e imagens de interesse histórico, a revista especializada dBD assinalou também o 70º aniversário do Tintin belga, nascido em 26 de Setembro de 1946, por iniciativa de Raymond Leblanc, fundador das Éditions du Lombard, e sob a direcção artística do mais famoso autor dessa época, Georges Rémi (Hergé), a quem coube a tarefa de reunir uma ecléctica equipa de colaboradores, da qual fizeram parte, nos primeiros tempos, Edgar Pierre Jacobs, Jacques Laudy, Paul Cuvelier, Le Rallic e ele próprio.

Tão intemporal como o célebre herói que lhe deu o nome, o semanário “dos jovens dos 7 aos 77 anos” (que já não se publica desde 1988) continua a perdurar na memória dos seus fiéis leitores espalhados pelo mundo — e que em Portugal, graças a uma edição lançada em Junho de 1968 pela Livraria Bertrand, foram também da ordem das dezenas de milhares.

Nessas luxuosas publicações, recentemente distribuídas nas bancas portuguesas e que recomendamos sem reservas a todos os tintinófilos, em geral, e aos visitantes deste blogue, em particular, constam várias homenagens aos principais heróis da revista e seus autores, com destaque para uma grande entrevista com Raymond Leblanc (no Paris Match Hors-Série) e para séries emblemáticas como Blake e Mortimer, Alix, Dan Cooper, Chlorophylle, Modeste et Pompon, Ric Hochet, Michel Vaillant, Corentin, Thorgal, Bernard Prince e muitas outras, à testa das quais figura naturalmente o incontornável personagem que deu fama, glória e fortuna ao seu criador: o sempre jovem Tintin, que Hergé quis que morresse com ele, mas que afinal lhe sobreviveu mesmo sem viver novas aventuras, para deleite de quem ainda sonha com um mundo transfigurado pela inocente magia do exotismo. 

 

“Os Exércitos do Conquistador” de J.P. Dionnet e J.C. Gal, em edição portuguesa

novela-grafica-15-a

Nota: com esta magnífica obra de Jean-Pierre Dionnet e Jean-Claude Gal terminou a 2ª série da colecção Novela Gráfica, uma feliz iniciativa da editora Levoir em parceria com o jornal Público, que teve a sua fase de arranque nos primeiros meses de 2015, obtendo grande êxito junto dos aficcionados bedéfilos e da crítica especializada.

Esperamos obviamente que, no próximo ano, o contacto com esta colecção se renove e que o mesmo critério de qualidade e de novidade nos permita desfrutar o prazer da leitura de grandes obras e grandes autores ainda pouco conhecidos em Portugal.

Novela Gráfica (2ª série) – Vol. 15

novela-grafica-15-848

Image

Folio: a grande festa do livro e da cultura em Óbidos

folio-obidos

Folio, um Festival Literário em que a BD também participa (espera-se que em maior percentagem nas próximas edições), contando com a presença de Geraldes Lino para uma palestra sobre Fanzines, esses desconhecidos (sábado, dia 24, às 18h30, na Livraria do Mercado). Quem viajar confortavelmente para Óbidos no Comboio Literário desfrutará também de um vislumbre de BD, graças à ideia original de uma exposição ferroviária “ambulante” com algumas pranchas de autores portugueses: Álvaro, Joana Afonso, João Sequeira, José Smith Vargas, Paulo Monteiro e Rui Lacas.

folio-expo-bd

Folio, um evento de dimensão internacional — em que literatura (e outras artes), autores, animadores e público comungam a mesma utopia —, seguramente a não perder!

Nota: A foto do Comboio Literário foi reproduzida, com a devida vénia, do blogue Divulgando BD, coordenado por Geraldes Lino.

H. G. Wells – o grande visionário

h-g-wells-1-841

Artigo reproduzido, com a devida vénia, do Diário de Notícias, edição de 21 de Setembro de 2016.

Santo António em Banda Desenhada – uma nova obra de José Garcês

garcc3aas-santo-antc3b3nio

Com este novo lançamento, o Público e a Europress põem à disposição de todos os devotos de Santo António (e dos leigos que são apreciadores de Banda Desenhada) um belo álbum realizado por Mestre José Garcês, decano da BD portuguesa, que em 2016 celebra 70 anos de meritória carreira como autor de vasta obra de índole recreativa, didáctica e cultural. Citando o Público:

“Na sua narrativa fluida e envolvente, José Garcês recria a vida, os milagres e a herança de Santo António, um homem comum com qualidades invulgares que o transformaram em ícone da Igreja Católica e da cultura popular”.

Uma obra assinalável, que demonstra o vigor e a paixão com que, nesta fase da sua carreira, José Garcês continua a abordar temas e persona- gens da nossa História que lhe são caros.

Histórias de animais – 1

ABRAÇO DE MÃE

dia-da-mc3a3edia-da-mae-2

Previous Older Entries

Le chat dans tous ses états - Gatos... gatinhos e gatarrões! de Catherine Labey

Pour les fans de chats e de tous les animaux en général - Para os amantes de gatos e de todos os animais em geral

largodoscorreios

Largo dos Correios, Portalegre

Interesting Literature

A Library of Literary Interestingness

almanaque silva

histórias da ilustração portuguesa