Ler Faz Bem: uma campanha da “Visão” com obras de grandes autores

visao-ler-faz-bem-1-346

visao-ler-faz-bem-2-347

Advertisements

Exposição na BNP: “100 Anos do Cromo Colecionável em Portugal”

convite-15-copy-1

Colóquio inaugural da exposição “100 Anos do Cromo em Portugal”, no dia 1 de Fevereiro de 2017, às 17h45. Apresentação de Carlos Gonçalves, do Clube Português de Banda Desenhada, e intervenção de João Manuel Mimoso, historiando a origem e a evolução das colecções de cromos dos rebuçados e caramelos em Portugal e de alguns dos seus fabricantes, desde a década de 1920 até à de 1960.

Um colóquio posterior, a realizar em 2 de Março, abordará os “cromos- -surpresa” lançados pela Agência Portuguesa de Revistas, em 1952, e prestará homenagem ao grande artista e ilustrador, recentemente falecido, Carlos Alberto Santos.

A exposição será inaugurada às 19h00, após o encerramento do colóquio, ficando patente ao público até 29 de Abril de 2017.

Filmes a não perder: “A Grande Farra” (de Marco Ferreri)

publico-mastroianni-7

Image

O regresso dos Túnicas Azuis – 12º volume: “A Loucura dos Azuis”

publico-tunicas-azuis-12

Uma excelente colecção, numa nova parceria Público/Asa, com 15 episódios (9 deles inéditos), em volumes cartonados e a preço módico, de uma das mais famosas séries cómicas belgas, que os apreciadores desta escola (e destes autores) não devem perder.

Luiz Beira – uma grande homenagem no próximo dia 28 de Janeiro, em Viseu

cabecalho-bdbd

Com a devida vénia, reproduzimos na íntegra o post seguinte, publicado no blogue BDBD (com um belo texto de Carlos Rico), sobre a homenagem que será prestada a Luiz Beira, no próximo sábado, dia 28 de Janeiro, tendo como cenário a Biblioteca Municipal Dom Miguel da Silva, em Viseu, a que está acoplada a Bedeteca que tem o seu nome.

Ao homenageado, nosso amigo de longa data e companheiro de muitas festivas jornadas bedéfilas, enviamos sinceros parabéns, desejando-lhe a continuação de uma carreira recheada dos maiores êxitos e em que a paixão pelas Artes (com destaque para o Teatro, a Poesia, o Cinema e a BD) seja sempre a inefável Musa que ilumina e inspira o seu talento.

cartaz-homenagem-lb

No próximo dia 28 de Janeiro, sábado, pelas 16:00 horas, a Câmara Municipal de Viseu (CMV) e o Grupo de Intervenção e Criatividade Artística de Viseu (Gicav) promoverão uma justíssima homenagem a Luiz Beira meu ilustre amigo e colega de blogue —, integrada nas comemorações do 15.º aniversário da Biblioteca Municipal Dom Miguel da Silva.

Estas comemorações visam homenagear algumas das figuras que mais se notabilizaram neste período de vida da Biblioteca e o nome de Luiz Beira — o primeiro de um conjunto de doze — vem a propósito uma vez que, como é sabido, doou a Viseu grande parte do seu acervo de Banda Desenhada, com a finalidade de aí ser fundada uma Bedeteca, o que viria oficialmente a acontecer em 31 de Maio de 2002.

Na Bedeteca Luiz Beira (que está acoplada à Biblioteca Municipal Dom Miguel da Silva) podem ser consultados milhares de documentos como sejam álbuns, revistas e fanzines de banda desenhada (alguns dos quais de incontestável raridade e valor histórico), bem como livros de Teatro, Poesia e outros temas.

Mas Luiz Beira está intimamente ligado à cidade de Viriato, não só através da Bedeteca como do próprio salão de Banda Desenhada, cuja génese em muito se deve às digressões que, inicialmente, as exposições das Jornadas BD da Sobreda (também elas uma criação de Luiz Beira) faziam a Viseu. E não poderíamos, obviamente, esquecer a longa e assídua colaboração com a revista “Anim’Arte” (que ainda mantém) ou a publicação de todas as peças de Teatro que o Gicav lhe editou, em seis volumes, há alguns anos.

É, pois, por tudo isto e com inteira justiça que a CMV e o Gicav se preparam para homenagear este amante das Artes, inaugurando uma exposição que permanecerá patente ao público até ao dia 22 de Abril. Quem puder deslocar-se a Viseu, no dia 28, e assistir à homenagem pública, será muito bem-vindo, pois o Luiz merece, nesse dia tão especial para ele, estar verdadeiramente entre amigos (e são muitos os que a Banda Desenhada, o Teatro, o Cinema e a Televisão lhe têm trazido ao longo dos anos…). Fica o convite feito.

Eu, por mim, lá estarei para lhe dar um fraternal abraço, participar na festa e fazer a merecida reportagem para publicar, dentro de dias, no nosso blogue.    CR

convite-lb-segunda-versao

Filmes a não perder: “A Noite” (de Michelangelo Antonioni)

publico-mastroianni-6-319-copy

Image

O regresso dos Túnicas Azuis – 11º volume: “A Batalha de Bull Run”

publico-tunicas-azuis-11-317

Uma excelente colecção, numa nova parceria Público/Asa, com 15 episódios (9 deles inéditos), em volumes cartonados e a preço módico, de uma das mais famosas séries cómicas belgas, que os apreciadores desta escola (e destes autores) não devem perder.

Sábado, 21 de Janeiro: colóquio com Rui Zink no Clube Português de Banda Desenhada (CPBD)

cpbd-palestra-rui-zink

Image

“Banda Escrita: João Paulo Cotrim” – Exposição na Bedeteca da Amadora

banda-escrita-cotrim-copy

Image

Concurso dos 12 Meses (Diabrete) – 8

Esta página do grande Concurso dos 12 Meses, ilustrada por José Cambraia, com versos de Adolfo Simões Müller, tinha um mote tão fácil que todos os concorrentes devem tê-lo adivinhado só de olhar para a imagem. Era essa uma das características do concurso, pois mesmo sem a ajuda dos pais ou dos avós (ou dos manos mais velhos), qualquer garoto que ainda andasse na escola primária podia decifrar de uma assentada os nomes dos meses que era preciso inscrever nas legendas respectivas. E quem se enganaria ao ver a figura sorridente, com os traços estilizados de Cambraia, que posa sobre um calendário, nesta página publicada pelo Diabrete no seu nº 803, de 10 de Março de 1951?

concurso-12-meses-janeiro-4672

Aliás, o interesse maior deste concurso, se bem me lembro (porque, nesse tempo, também lia o “grande camaradão”), não eram os prémios, apesar de aliciantes, mas o prazer de admirar os desenhos e as alegorias de Cambraia, um artista que já chamara a atenção da miudagem com as graciosas ilustrações que realizara para O Livro das Fábulas, escrito por Adolfo Simões Müller.

No nº 799, de 24 de Fevereiro de 1951, o Diabrete publicou mais uma página informativa sobre o regulamento do concurso e com curiosidades sobre o “Avô Tempo” e os seus diversos ciclos, para ensinamento dos mais pequenos… mas que muitos graúdos ainda hoje ignoram. Esta era referente ao mês de Janeiro.

concurso-12-meses-curiosidades-janeiro-468

Previous Older Entries

Le chat dans tous ses états - Gatos... gatinhos e gatarrões! de Catherine Labey

Pour les fans de chats e de tous les animaux en général - Para os amantes de gatos e de todos os animais em geral

largodoscorreios

Largo dos Correios, Portalegre

Interesting Literature

A Library of Literary Interestingness

almanaque silva

histórias da ilustração portuguesa