Postais ilustrados de outros tempos – 7

LUA DE MEL

Eis três pitorescos e artísticos postais de uma série infantil realizada por Alfredo de Morais (1872-1971), notável e prolífico ilustrador, e aguarelista de igual mérito, que espraiou o seu fértil talento, durante várias décadas, por dezenas de jornais, livros, revistas, folhetos, almanaques, cartazes, postais, praticamente por tudo o que era impresso em papel, numa febril actividade criativa que, mau grado a constante pressão de um meio avaro e limitado (o mundo dos editores e das tipografias), o guindou incontestavelmente à galeria dos maiores artistas gráficos de raiz popular — pois foi reconhecido e apreciado, sobretudo, pelas “massas” — que a ilustração portuguesa já conheceu.

Alfredo de Morais dedicou-se também às histórias aos quadradinhos e à literatura infanto-juvenil, tendo deixado nesta área alguns dos seus melhores trabalhos artísticos, como as ilustrações para a Colecção Manecas e a Colecção Salgari, duas célebres edições da Livraria Romano Torres que fizeram as delícias de muitos jovens nascidos no século XX.

A título de curiosidade, repare-se no nome da loja retratada na imagem seguinte desta série, onde as crianças parodiam os adultos: Casa das Canetas – Casa dos Postaes Bonitos. O ilustrador a fazer publicidade ao seu próprio editor?

Advertisements

Livros infantis & outras curiosidades – 6

o-milagre-de-fátima-capaInvocando a temática religiosa na literatura infanto-juvenil, a propósito de um acontecimento que toda a Igreja Católica celebra, queremos relembrar uma obra profusamente ilus- trada por Júlio Amorim (1909-1988), cujos trabalhos, num estilo quase hierático, mas harmonioso e singularmente atractivo, eram bem conhe- cidos dos leitores da famosa Colecção Manecas — uma das publicações de referência dos miúdos portugueses —, criada em meados dos anos 20 do passado século pela Editorial Romano Torres.

Foi nessa colecção que surgiu, há mais de 60 anos, um pequeno livro intitulado “O Milagre de Fátima”, com texto de Leyguarda Ferreira, nome também bastante popular na literatura infanto-juvenil dessa época, e ilustrações de Amorim, que realizou, além da capa, uma dúzia de vinhetas com imagens de belo efeito, impressas a três cores, como frisos a engalanar várias páginas. Contemplando-as em sequência, até parece que estamos a ver uma história com o ritmo narrativo da banda desenhada.

Nota: Agradecemos a Leonardo De Sá as informações que amavelmente nos prestou sobre a vida e a prolífica carreira de Júlio Amorim.

o-milagre-de-fátima-rosto-e-pág-11

o-milagre-de-fátima-pág-2

o-milagre-de-fátima-pág-3

o-milagre-de-fátima-pág-4

o-milagre-de-fátima-pág-5

o-milagre-de-fátima-pag-6

o-milagre-de-fátima-pág-7

o-milagre-de-fátima-pág-8

WordPress.com Apps

Apps for any screen

Le chat dans tous ses états - Gatos... gatinhos e gatarrões! de Catherine Labey

Pour les fans de chats e de tous les animaux en général - Para os amantes de gatos e de todos os animais em geral

largodoscorreios

Largo dos Correios, Portalegre

almanaque silva

histórias da ilustração portuguesa