Quem vê capas vê corações – Vol. 3

Publico Quem vê capas 3

Advertisements

Image

Ecos e fotos da Mostra Coimbra BD

CoimbraBD11

Como oportunamente anunciámos, realizou-se no passado fim-de-semana, entre os dias 3 e 6 de Março, a primeira Mostra de Banda Desenhada na “cidade dos doutores”, com o alto patrocínio da sua Câmara Municipal.

Além da presença de vários autores portugueses, que participaram em tertúlias e sessões de autógrafos, na Galeria Ferrer Correia, há a registar o grande interesse manifestado pelo público, que acorreu a todas as actividades anunciadas pelos organizadores, incluindo também venda de livros, revistas e outras edições de BD, material de merchandising, exposições de desenhos originais e de estatuetas, apresentações de obras, documentários, filmes de animação, desfile de cosplay e emissão de um programa da Rádio Universidade de Coimbra.

O êxito desta Mostra é a garantia de que Coimbra BD terá continuidade, com projecção ainda maior no futuro, para que a bela “Princesa” do Mondego figure também, em lugar de honra, no roteiro dos Salões de BD nacionais.

A breve reportagem que se segue, com fotos de José Augusto, foi-nos amavel- mente enviada pelo Clube Português de Banda Desenhada (CPBD), ao qual expressamos o nosso reconhecimento.

CoimbraBD08

CoimbraBD09

CoimbraBD10

CoimbraBD12

CoimbraBD13

CoimbraBD14

CoimbraBD15

CoimbraBD16

CoimbraBD17

CoimbraBD19

CoimbraBD22

CoimbraBD24

CoimbraBD25

CoimbraBD26

CoimbraBD27

CoimbraBD28

CoimbraBD29

CoimbraBD30

CoimbraBD31

CoimbraBD32

CoimbraBD33

Colecção Super-Heróis da DC – Vol. 6

Publico Super heróis 6

Image

Livros infantis & outras curiosidades – 8

A OBRA DISCOGRÁFICA DE ODETTE DE SAINT- -MAURICE E DE FERNANDO BENTOLP Bento 1

Eis mais dois discos em vinil da editora Alvorada, com histórias tradicionais infantis adaptadas por Odette de Saint-Maurice e interpretadas por um excelente elenco artístico, num arranjo musical do maestro Tavares Belo, acompanhado por canções de Jaime Filipe.

Estes dois long-play incluem sete gravações diferentes, reproduzindo as capas dos discos mais pequenos (single), também de 33 rotações, com os mesmos contos tradicionais.

Um deles é “Os Três Anõezinhos da Floresta”, que já foi citado nesta rubrica, e há mais dois com capas ilustradas por Fernando Bento: “O Velho, o Rapaz e o Burro” e “A Princesa que Guardava Patos”.LP Bento 2

Aqui fica o registo de mais uma curiosidade, para os coleccionadores, sobre a heterogénea produção de um dos maiores artistas gráficos portugueses de todos os tempos. Falta-nos, agora, encontrar também os singles, sobretudo aqueles que têm capas de Fernando Bento, pois são para nós os mais valiosos.

Quem vê capas vê corações – Vol. 2

público - quem vê capas - 2

Image

“Quem vê capas vê corações” – livros tão belos por dentro como por fora numa nova colecção do Público

público - quem vê capas - Apresentação 1 e 2

público - quem vê capas - Apresentação 3 e 4

Colecção Super-Heróis da DC – Vol. 5

público - S Heróis 5         063

Image

A História de Portugal em 12 parágrafos

Artur Correia - D. Afonso I.jpg

Nos primeiros tempos da monarquia, numa feia noite de Dezembro, o rei veio à varanda do seu palácio cheio de luzes e reparou que a cidade estava escura como breu.

Chamou o seu grão-mestre e ordenou-lhe:

— Antes do Natal quero ver a cidade toda iluminada. Toma lá 500 cruzados e trata já de resolver o problema.

O grão-mestre chamou o burgomestre e ordenou-lhe:

— O nosso rei quer a cidade toda iluminada antes ainda do Natal. Toma lá 200 cruzados e trata imediatamente de resolver o problema.

O burgomestre chamou o seu secretário e disse-lhe:

— O nosso rei ordenou que puséssemos a cidade toda iluminada na quadra do Natal. Toma lá 50 cruzados e trata imediatamente de resolver o problema.

O secretário obedeceu e redigiu um edital nos seguintes termos:

“Por ordem de El-Rei, em todas as ruas e em todas as casas deve imediatamente ser colocada iluminação de Natal. Quem não cumprir esta ordem será açoitado”.

Dias depois, o rei veio à varanda do seu palácio e, ao ver a cidade profusamente iluminada, exclamou:

— Que lindo! Abençoado dinheiro que gastei. Valeu a pena!

E foi assim, há oito séculos, que Portugal começou a funcionar… e com esta “boa ordem” se tem governado até hoje…

(Nota: ilustração de Mestre Artur Correia. Texto adaptado de autor anónimo)

Cinema em Cascais… para todos os gostos

Cinema da Vila 1 061

Não fique em casa a ver filmes… vá ao cinema!

A magia da 7ª Arte e do grande ecrã espera por si!

Dia 4 de Março na Bedeteca da Amadora: mesa-redonda com Benoît Crucifix

Bedeteca Amadora (BD belga)

Image

Previous Older Entries Next Newer Entries

WordPress.com Apps

Apps for any screen

Le chat dans tous ses états - Gatos... gatinhos e gatarrões! de Catherine Labey

Pour les fans de chats e de tous les animaux en général - Para os amantes de gatos e de todos os animais em geral

largodoscorreios

Largo dos Correios, Portalegre

almanaque silva

histórias da ilustração portuguesa